Internacionalização acelerada de empresas de base tecnológica: o caso das Born Globals brasileiras



Artigo principal Conteúdo

Fernanda Ferreira Ribeiro
Moacir Miranda Oliveira Jr.
Felipe Mendes Borini

Resumo

O fenômeno born global tem sido relatado, principalmente em setores de alta tecnologia, e tem requerido novos entendimentos teóricos sobre a atuação internacional de empresas nascentes e pequenas. Este artigo analisa a relação dos fatores do ambiente externo da empresa no país de origem, fatores organizacionais e fatores do empreendedor pelos quais algumas empresas de base tecnológica (EBTs) se internacionalizam de maneira acelerada. Um survey foi aplicado a EBTs brasileiras. Ao final da coleta de dados, a primeira base de dados gerada continha 214 respostas, das quais 85 foram obtidas de empresas com algum tipo de negócio no exterior, 39,7%. Destes, 54 questionários foram considerados válidos para esta pesquisa. Os dados foram analisados utilizando-se técnicas estatísticas de regressão logística. Os resultados mostram que os fatores externos à empresa influenciam mais na internacionalização das EBTs em relação aos fatores internos. A integração em cadeias produtivas globais e as habilidades gerenciais internacionais do empreendedor aparecem como os fatores que melhor discriminam a internacionalização das EBTs born globals. Portanto, esta pesquisa contribui para a discussão do processo de internacionalização acelerada das EBTs, contribuindo para suprir a lacuna da importância dos fatores externos, internos e do empreendedor no processo de internacionalização dessas empresas.

Histórico de Downloads

Não há dados estatísticos.


Detalhes do artigo

Como Citar
Ribeiro, F. F., Oliveira Jr., M. M., & Borini, F. M. (1). Internacionalização acelerada de empresas de base tecnológica: o caso das Born Globals brasileiras. Revista De Administração Contemporânea, 16(6), 866-888. https://doi.org/10.1590/S1415-65552012000600007
Seção
Artigos