A percepção e as estratégias de ação do pesquisador de café em sua rede colaborativa



Artigo principal Conteúdo

Uajará Pessoa Araújo
Luiz Marcelo Antonialli
Fábio Muller Guerrini
Renato Ferreira de Oliveira

Resumo

Esta investigação investigou o papel da percepção, seus condicionantes e seus efeitos na lógica da ação dos pesquisadores na formação de parcerias, no âmbito da rede subjacente ao Consórcio Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento do Café. Abalizado pela teoria institucional e pela teoria de redes, partiu-se da suposição de que a percepção dos agentes (sobre a sua posição/localização estrutural, os recursos disponíveis e a dinâmica de apropriação de recursos da rede) é significativa à medida que seria fator condicionante da estratégia de inserção dos pesquisadores na sua rede colaborativa. No estudo, recorreu-se: (a) à análise de conteúdo em entrevistas com pesquisadores; (b) à análise sociométrica de coautorias em artigos; (c) à análise sociométrica da escolha preferencial entre pesquisadores do café; (d) à análise multivariada de um banco de dados de subprojetos do Consórcio e de respostas a uma survey submetida aos responsáveis pelos subprojetos. Os resultados assinalam que o posicionamento estrutural do agente, ainda que relevante, não condiciona a percepção dos agentes e isso pode ter implicações nas suas estratégias de ação. Conjuminada a essa indicação, foi possível identificar um grupo de regularidades e lógicas de ação incidentes no conjunto de cientistas pesquisados. Seria nesse campo que o pesquisador praticaria a sua agência: onde monitora e percebe os recursos e as limitações da rede, se insere e aos colegas e mobiliza parcerias.

Histórico de Downloads

Não há dados estatísticos.


Detalhes do artigo

Como Citar
Araújo, U. P., Antonialli, L. M., Guerrini, F. M., & Oliveira, R. F. de. (1). A percepção e as estratégias de ação do pesquisador de café em sua rede colaborativa. Revista De Administração Contemporânea, 15(4), 670-688. https://doi.org/10.1590/S1415-65552011000400007
Seção
Artigos