Crescimento, dominância continuada e declínio da empresa: insights das histórias da General Electric e da Westinghouse



Artigo principal Conteúdo

Denise L. Fleck

Resumo

Este artigo compara as trajetórias de crescimento da General Electric e da Westinghouse por mais de doze décadas. Enquanto a General Electric desfrutou crescimento e existência continuados, a Westinghouse cresceu, mas também sofreu contração por três décadas e desapareceu após 110 anos de existência. A análise comparativa revelou que, afora as capacitações comparáveis no desenvolvimento de alta tecnologia, as duas empresas diferiam em vários aspectos. Elas desempenharam papéis desiguais na estruturação do setor elétrico e enfrentaram os desafios do aumento do tamanho de maneiras bem distintas. A análise histórica indica que a General Electric tendeu a desenvolver capacitações gerenciais que aumentaram suas chances de perpetuar-se. Já a Westinghouse, durante a maior parte do tempo, desenvolveu propensão à autodestruição.

Histórico de Downloads

Não há dados estatísticos.


Detalhes do artigo

Como Citar
Fleck, D. L. (1). Crescimento, dominância continuada e declínio da empresa: insights das histórias da General Electric e da Westinghouse. Revista De Administração Contemporânea, 8(spe), 79-106. https://doi.org/10.1590/S1415-65552004000500006
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Denise L. Fleck, McGill University

Ph.D. em Administração pela McGill University, Canadá. Professora Adjunta do Instituto de Pesquisa e Pós-Graduação em Administração da Universidade Federal do Rio de Janeiro e Membro do Programa Internacional de Pesquisa Managing Innovation in the New Economy. Suas áreas de interesse em pesquisa são crescimento sustentado da empresa, mudança organizacional, capacitações organizacionais para o crescimento, dinâmica da inovação em processos de crescimento da firma, perfil de liderança em processos de crescimento da firma e de indústrias.