Os Determinantes dos Ratings de Crédito dos Bancos Brasileiros



Artigo principal Conteúdo

Fabiano Guasti Lima
Camila Veneo C. Fonseca
Rodrigo Lanna Franco Silveira
Alexandre Assaf Neto

Resumo

O objetivo do presente estudo é identificar os determinantes das classificações de crédito em bancos brasileiros de capital aberto no período 2006-2015. Para tanto, um modelo Logit ordenado foi aplicado, considerando um painel desbalanceado. Os resultados indicaram que variáveis relativas a desempenho, liquidez, adequabilidade/qualidade do ativo e tamanho tiveram impacto estatisticamente significativo no nível de rating dos bancos. Verificou-se ainda uma piora dos ratings de crédito, a qual pode ser explicada pela retração da atividade econômica observada no Brasil durante o período de análise.

Histórico de Downloads

Não há dados estatísticos.


Detalhes do artigo

Como Citar
Lima, F. G., Fonseca, C. V. C., Silveira, R. L. F., & Assaf Neto, A. (1). Os Determinantes dos Ratings de Crédito dos Bancos Brasileiros. Revista De Administração Contemporânea, 22(2), 178-200. https://doi.org/10.1590/1982-7849rac2018160373
Seção
Artigos