Políticas de Dados, Códigos e Materiais Abertos

Para garantir a reprodutibilidade, desde a edição 22(4), publicada em julho de 2018, os manuscritos aceitos na Revista de Administração Contemporânea (RAC) puderam receber até dois ícones, além do ícone de acesso aberto, em reconhecimento de práticas científicas abertas. Isso inclui um ícone de dados abertos e um ícone de materiais abertos. A atribuição de um ou mais desses ícones, reconhecendo as práticas abertas, está condicionada ao fornecimento de informações pelos autores. Essas informações consistem nas referências completas, contendo URL e código DOI, para os dados e/ou materiais depositados em um repositório público.

A menos que os autores decidam não disponibilizar seus dados e/ou materiais, esta revista sempre disponibilizará dados e/ou materiais utilizados em pesquisas publicadas. Esses ícones aparecem na parte inicial do documento publicado e as informações sobre práticas abertas serão publicadas em uma nota que aparece no final do artigo, pouco antes da lista de referências. Os ícones são concedidos de acordo com o método de divulgação, no qual os autores fornecem informações públicas, indicando que cumprem os critérios para atribuir esses ícones ao trabalho publicado na RAC.

Ícone de dados abertos: os autores do artigo fornecem uma URL, DOI ou outro caminho permanente que permite acesso irrestrito aos dados em um repositório público de código aberto (como Mendeley ou Zenodo). A revista incentiva fortemente os autores a disponibilizar abertamente todos os dados associados à sua submissão, de acordo com os princípios da FAIR (Localizável, Acessível, Interoperável, Reutilizável). Se os dados não estiverem sendo disponibilizados com a publicação da revista, o ideal é que uma declaração do autor seja fornecida dentro da submissão para explicar o porquê. Dados obtidos de outras fontes devem ser adequadamente creditados. Se a pesquisa incluir o uso de código de software, análise estatística ou algoritmos, também recomendamos que os autores façam o upload do código no Code Ocean, onde ele será hospedado em uma plataforma aberta de reprodutibilidade computacional baseada em nuvem, oferecendo aos pesquisadores e desenvolvedores uma maneira fácil de compartilhar, validar e descobrir código publicado em revistas acadêmicas.

Ícone de materiais abertos: os autores do artigo fornecem URL, DOI ou outro caminho permanente para acessar os materiais em um repositório público de acesso aberto. Além disso, os autores também fornecem informações suficientes para que uma pessoa interessada possa reproduzir a metodologia relatada. Como a seção Materiais e Métodos tradicional geralmente inclui detalhes insuficientes para os leitores avaliarem completamente o processo de pesquisa, a revista incentiva os autores a publicar descrições detalhadas de seus métodos estruturados em plataformas abertas e on-line, como protocols.io. Ao fornecer uma descrição passo a passo dos métodos utilizados no estudo, a chance de reprodutibilidade e usabilidade aumenta, além de permitir que os autores construam seus próprios trabalhos e obtenham créditos e citações adicionais.

Em casos específicos em que os autores optam por não fornecer dados e / ou materiais utilizados nas suas pesquisas, uma nota explicativa dessa decisão deve ser apresentada nas partes finais do documento publicado.