A influência dos valores organizacionais no desempenho de agências bancárias



Artigo principal Conteúdo

Wagner Fabiano de Melo
Silvia Marcia Russi de Domenico

Resumo

Este artigo objetivou verificar a influência dos valores organizacionais de agências bancárias no desempenho destas unidades. A pesquisa foi desenvolvida em uma instituição bancária pública. O Inventário de Perfis de Valores Organizacionais (IPVO) foi adaptado para a mensuração dos valores organizacionais das agências. O desempenho de cada agência foi medido de forma objetiva, pelo percentual de metas integralmente realizadas no ano de 2009. A amostra é do tipo não probabilística e composta por 271 agências, cujos dados acerca dos valores organizacionais foram proporcionados por 720 respondentes. A análise dos dados revelou que os valores organizacionais das agências se estruturam em quatro fatores: respeito aos stakeholders, diversão para os empregados, atuação competente e prestígio. Prestígio está positivamente correlacionado com o desempenho e o respeito aos stakeholders e a diversão para os empregados estão inversamente correlacionados com a variável dependente. A análise de regressão múltipla resultou em um modelo que explica 9,5% da variância no desempenho e composto por dois fatores como variáveis preditoras que influenciam positivamente o desempenho: prestígio e atuação competente. Os resultados mostraram que os valores organizacionais são uma das variáveis que podem impactar no desempenho de agências bancárias.

Histórico de Downloads

Não há dados estatísticos.


Detalhes do artigo

Como Citar
Melo, W. F. de, & Domenico, S. M. R. de. (1). A influência dos valores organizacionais no desempenho de agências bancárias. Revista De Administração Contemporânea, 16(1), 137-156. https://doi.org/10.1590/S1415-65552012000100009
Seção
Artigos