Influência da mudança de gestão nas estratégias de uma cooperativa agropecuária



Artigo principal Conteúdo

Luiz Marcelo Antonialli

Resumo

O presente trabalho teve por objetivo analisar a influência da mudança de gestão nas estratégias de uma cooperativa agropecuária do sul de Minas Gerais. Os resultados demonstraram que os entrevistados têm consciência das forças ambientais, às quais a cooperativa está exposta, porém concordam em que a resposta da organização ao ambiente tem sido lenta, principalmente porque as decisões estratégicas são tomadas de forma colegiada, em esporádicas assembléias que, no geral, apresentam baixa participação dos associados. Não há planejamento estratégico na cooperativa. As estratégias limitam-se às propostas divulgadas pelas chapas na época da eleição, as quais tendem a constituir o compromisso do mandato. Tal fato pode influenciar as estratégias, tanto em nível de formulação quanto de implementação, e provocar sua descontinuidade no longo prazo. Os principais fatores que podem influenciar as estratégias da cooperativa devido à mudança de gestão são: ausência de planejamento estratégico, amadorismo gerencial da diretoria e divergências políticas dos grupos de interesse envolvidos na disputa do poder. A última eleição de diretoria na cooperativa caracterizou-se como incidente crítico para a organização, afetou o clima organizacional com reflexos traumáticos para todos os envolvidos no processo: membros da chapa vencedora e perdedora, funcionários e cooperados.

Histórico de Downloads

Não há dados estatísticos.


Detalhes do artigo

Como Citar
Antonialli, L. M. (1). Influência da mudança de gestão nas estratégias de uma cooperativa agropecuária. Revista De Administração Contemporânea, 4(1), 135-159. https://doi.org/10.1590/S1415-65552000000100008
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Luiz Marcelo Antonialli, Universidade de São Paulo

Mestre em Administração Rural e Doutorando em Administração na Universidade de São Paulo. Professor Assistente do Departamento de Administração e Economia da Universidade Federal de Lavras, além de Pesquisador em Administração Estratégica. Sua área de interesse em pesquisa é estratégias em organizações agroindustriais.