A definição de categorias para o estudo de comportamentos proativos na recuperação de informações

Marlei Pozzebon, Henrique M. R. de Freitas, Maira Petrini

Resumo

Este estudo explora o relacionamento existente entre as características técnicas de um projeto de sistema de informação e apoio à decisão e os comportamentos dos usuários no seu uso. Seu objetivo: apresentar um modelo conceitual de Enterprise Information Systems (EIS), construído a partir da literatura, das tendências tecnológicas e de estudos de caso, que identificam características de sistema para comportamentos proativos dos usuários na recuperação de informações. Entre os principais resultados, pode-se destacar a definição de categorias relacionadas com as características dos sistemas - flexibilidade, integração e apresentação - e de categorias relacionadas com os comportamentos dos usuários na recuperação de informações - exploração de dados(scanning) e busca focada (focus search) - bem como a apresentação de um modelo conceitual para sistemas EIS. Pode-se destacar também a exploração de uma nova técnica para métodos qualitativos, denominada Modelagem de Casos, desenvolvida com o objetivo de buscar maior exploração do contexto na fase de análise de dados.

Palavras-chave

proatividade; métodos qualitativos; sistemas de informação; exploração de dados

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.
';