Modelos de previsão de insolvência utilizando a análise por envoltória de dados: aplicação a empresas brasileiras

Luciana Massaro Onusic, Silvia Pereira de Castro Casa Nova, Fernando Carvalho de Almeida

Resumo

O objetivo deste artigo foi desenvolver um modelo de previsão de insolvência, utilizando uma técnica matemática originada da Pesquisa Operacional: a Análise por Envoltória de Dados (Data Envelopment Analysis - DEA). A metodologia de pesquisa foi composta pelas seguintes etapas: (1) foram selecionadas dez empresas que enfrentaram processo de falência/concordata no período de 1995 a 2003; (2) para cada empresa insolvente foram sorteadas cinco empresas entre as de melhor desempenho do setor, com porte semelhante, totalizando 50 empresas saudáveis; (3) as informações contábeis das empresas, para três anos anteriores à falência/concordata, foram obtidas no banco de dados Melhores e Maiores, de Fipecafi-Exame, e efetuadas análises estatísticas; (4) foi desenvolvido um modelo DEA e calculados os indicadores de eficiência; (5) o ponto de corte para classificação das empresas como insolventes ou solventes foi determinado; (6) as classificações obtidas pelos indicadores DEA foram confrontadas com a situação real da empresa após três anos. Os resultados preliminares mostraram que o modelo DEA desenvolvido foi capaz de discriminar, com bom grau de acerto, empresas solventes e insolventes: 90% das empresas insolventes foram corretamente classificadas.

Palavras-chave

insolvência; DEA; análise de demonstrações contábeis

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.
';