Problemas e ações na adoção de novas tecnologias de informação



Artigo principal Conteúdo

Henrique Freitas
Ionara Rech

Resumo

Este estudo tem como tema o impacto da adoção de novas Tecnologias de Informação nas organizações. O objetivo foi inicialmente levantar a situação das organizações em relação à utilização de tecnologias de informação, mas sobretudo verificar com que intensidade um conjunto de problemas se manifesta, quando as organizações adotam novas tecnologias de informação, bem como a intensidade e o sucesso de um conjunto de ações para enfrentar estes problemas. O método utilizado para se alcançarem os objetivos foi uma pesquisa do tipo survey, realizada de setembro a dezembro de 2000, com grandes empresas da região metropolitana de Porto Alegre. Os dados foram coletados por meio de entrevistas pessoais com gerentes de tecnologia de informação. No final, chegou-se a uma amostra de 91 empresas, de um total de 164 originalmente contatadas; ou seja, 55,5% das grandes empresas foram investigadas. A partir da análise de dados, obteve-se um perfil da tecnologia de informação utilizada pelas grandes empresas da região metropolitana de Porto Alegre. Este perfil foi comparado com os diferentes ramos de atividade das organizações. Em relação aos problemas, fez-se um levantamento dos que ocorreram com maior intensidade, considerando-se as maiores médias. Para as ações (ocorrência e sucesso), fez-se uma análise, considerando-se também as maiores médias de intensidade de ocorrência e maiores médias de intensidade de sucesso.

Histórico de Downloads

Não há dados estatísticos.


Detalhes do artigo

Como Citar
Freitas, H., & Rech, I. (1). Problemas e ações na adoção de novas tecnologias de informação. Revista De Administração Contemporânea, 7(1), 125-150. https://doi.org/10.1590/S1415-65552003000100007
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Henrique Freitas, University of Baltimore

Pós-Doutorado na University of Baltimore, USA, e Doutorado em Gestão na Université Pierre Mendès-France, Grenoble, França. Professor do Programa de Pós-Graduação em Administração da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, além de Pesquisador 1C do CNPq. Suas áreas de interesse em pesquisa são e-business, sistemas de informação e de decisão, métodos de pesquisa e análise de dados.

Ionara Rech, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Mestre em Administração pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, com interesse em pesquisa na área de sistemas de informação e de decisão.