A Nova Era do Futebol Brasileiro e Clubes Geridos como Negócio



Artigo principal Conteúdo

Wilson Toshiro Nakamura
Sérgio de Albuquerque Cerqueira

Resumo

Futebol é uma paixão nacional. Todos, no Brasil, já ouviram essa frase alguma vez. E ela expressa uma verdade irretocável. Realmente, se há um esporte genuinamente popular no maior país da América Latina e que, ao mesmo tempo, atrai o interesse de pessoas de todas as classes sociais, é o futebol. Sobretudo os homens gostam de futebol e se dizem, muitas vezes, apaixonados ou aficionados pelo seu clube de coração, mas é nítido o crescimento significativo de mulheres que passaram a se interessar pelo esporte e a frequentar os estádios. O futebol do Brasil é reconhecido mundialmente pela técnica refinada de seus atletas. Muitos jogadores brasileiros se destacaram no contexto global, podendo-se citar Pelé, principalmente, mas também Garrincha, Rivelino, Ronaldo Fenômeno, Ronaldinho Gaúcho, Kaká, Romário, Neymar, dentre uma infinidade de grandes atletas que deixaram, ou deixam ainda, a sua marca como atletas legendários e de um valor extraordinário. Mas, sobretudo no século XXI, vivenciamos uma grande transformação na indústria de futebol global, em que, nos grandes centros futebolísticos, muitos clubes passaram a ser administrados com muito mais competência, adotando algumas das melhores práticas observadas no mundo corporativo. Isso aconteceu sobretudo em países como Inglaterra, Alemanha, Espanha, França, Itália e Portugal, somente para citar alguns casos europeus.



Histórico de Downloads

Não há dados estatísticos.


Detalhes do artigo

Como Citar
Nakamura, W. T., & Cerqueira, S. de A. (2021). A Nova Era do Futebol Brasileiro e Clubes Geridos como Negócio. Revista De Administração Contemporânea, 25(4), e210055. https://doi.org/10.1590/1982-7849rac2021210055.en
Seção
Cartas Executivas