Organizações Outras: Diálogos Entre a Teoria da Prática e a Abordagem Decolonial de Dussel

Felipe Fróes Couto, Bruno Eduardo Freitas Honorato, Everton Rodrigues da Silva

Resumo

O objetivo deste ensaio é propor um alinhamento teórico possível entre o aporte dos estudos decoloniais latino-americanos – com ênfase no trabalho de Enrique Dussel – e a abordagem teórico-metodológica da teoria da prática, partindo de um entendimento específico do debate centro/periferia para adentrar a forma de capturar as organizações em sua localidade. O argumento central defendido aqui é que, partindo-se do pressuposto de que as organizações não acompanham modelos genéricos, neutros e supostamente universais, elas podem e devem ser capturadas dentro da localidade em que se realizam. Nesse sentido, propõe-se a abordagem decolonial como aporte teórico para aproximação das organizações em seu contexto e a teoria da prática como forma de conhecê-las em seu movimento cotidiano, habitual, corriqueiro e, por vezes, improvisado.

Palavras-chave

estudos organizacionais; decolonialismo; organizing; organizações alternativas; prática organizacional

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.
';