Organizational memory and forgetfulness generating vulnerabilities in complex environments

Robson Quinello

Resumo

Este artigo analisa a relação entre memória e esquecimento organizacional na geração de vulnerabilidades operacionais, incorporando um estudo de caso numa equipe técnica altamente especializada de uma multinacional do setor automobilístico. O artigo inicia com a apresentação do contexto de complexidade do setor automobilístico brasileiro nas últimas décadas. Logo em seguida, discute o referencial teórico sobre organizações aprendizes, memória e esquecimento organizacional e organizações com características de alta confiabilidade operacional. Por fim, é apresentado um estudo de caso realizado a partir dos conceitos teóricos relatados no corpo do artigo, mostrando as contradições e evidências dessa relação.

Palavras-chave

organizações aprendizes; processo de aprendizagem; erros; falhas humanas; esquecimento organizacional; memória organizacional

Texto completo:

PDF (English)

Apontamentos

  • Não há apontamentos.
';