Comprometimento e entrincheiramento na carreira: um estudo de suas influências no esforço instrucional do docente do ensino superior



Artigo principal Conteúdo

Diva Ester Okazaki Rowe
Antonio Virgílio Bittencourt Bastos
Ana Paula Moreno Pinho

Resumo

O presente trabalho analisa os vínculos de comprometimento e de entrincheiramento com a carreira, desenvolvidos por professores universitários, inseridos em instituições públicas e privadas. Mais precisamente, busca identificar as relações desses vínculos com o esforço instrucional, definido como o empenho em qualificar a atividade de ensino e potenciar os resultados positivos dos discentes. A pesquisa, extensiva e de corte transversal, abrangeu 635 docentes de diferentes Estados e envolveu a aplicação de um questionário on line. Os dados foram submetidos a análises descritivas e multivariadas, por meio do Statistical Package for Social Sciences (SPSS), versão 15.0. Após a análise exploratória (avaliação da normalidade, outliers, análise de linearidade e análise de multicolinearidade), foi realizada a análise da qualidade da mensuração das escalas (dimensionalidade, confiabilidade e validade das medidas) e, em seguida, houve a modelagem de equações estruturais, para identificar os impactos dos vínculos com a carreira sobre o esforço instrucional. O modelo com melhor ajuste revelou que a identidade (dimensão do comprometimento com a carreira) exerce impacto sobre o esforço instrucional em todas as suas dimensões. Foram encontradas também diferenças significativas entre IES públicas e privadas.

Histórico de Downloads

Não há dados estatísticos.


Detalhes do artigo

Como Citar
Rowe, D. E. O., Bastos, A. V. B., & Pinho, A. P. M. (1). Comprometimento e entrincheiramento na carreira: um estudo de suas influências no esforço instrucional do docente do ensino superior. Revista De Administração Contemporânea, 15(6), 973-992. https://doi.org/10.1590/S1415-65552011000600002
Seção
Artigos