Qualificação, competência técnica e inovação no ofício docente para a melhoria da qualidade do ensino fundamental



Artigo principal Conteúdo

Laura da Veiga
Maria Ruth Siffert Diniz Teixeira Leite
Vanda Catarina Duarte

Resumo

O objetivo desse artigo é discutir a capacitação docente em relação ao desempenho escolar do aluno e ao contexto da diversidade socioeconômica instaurada nas escolas a partir da década de 90. O problema de pesquisa foi o seguinte: qual a importância da capacitação no desempenho dos docentes para melhorar o rendimento escolar dos alunos dos municípios de Januária e Montes Claros? Os dados foram coletados, nesses municípios, entre outubro de 1999 e fevereiro de 2000 e se referem à situação socioeconômica das famílias das crianças matriculadas nas escolas da amostra, ao perfil do professorado e ao apoio pedagógico disponível nas escolas. A amostra foi composta por seis escolas em cada município (três da rede estadual e três da rede municipal), totalizando 12 escolas. A análise da capacitação está baseada no tipo de treinamento oferecido aos professores da rede pública por meio de programas implementados nos estados de Minas Gerais e São Paulo no período 1996-1998. A principal conclusão é que a capacitação na forma como tem sido oferecida não tem contribuído efetivamente para desenvolver as competências demandadas dos docentes para apoiar crianças oriundas de ambientes familiares desfavoráveis aos desafios da escolarização.

Histórico de Downloads

Não há dados estatísticos.


Detalhes do artigo

Como Citar
Veiga, L. da, Leite, M. R. S. D. T., & Duarte, V. C. (1). Qualificação, competência técnica e inovação no ofício docente para a melhoria da qualidade do ensino fundamental. Revista De Administração Contemporânea, 9(3), 143-167. https://doi.org/10.1590/S1415-65552005000300008
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Laura da Veiga, Universidade de Stanford

Doutora em Sociologia da Educação pela Universidade de Stanford. Professora em nível de mestrado e doutorado da Fundação João Pinheiro. Pesquisadora do CNPq nível I-B. Suas áreas de interesse em pesquisa são educação e avaliação de políticas sociais e desigualdades.

Maria Ruth Siffert Diniz Teixeira Leite, Fundação João Pinheiro

Mestre em Administração Pública pela Escola de Governo da Fundação João Pinheiro. Professora e Coordenadora de cursos de pós-graduação lato-sensu na área da administração pública na Fundação João Pinheiro. Técnica da Fundação João Pinheiro. Suas áreas de interesse em pesquisa são políticas sociais, em especial na área de educação.

Vanda Catarina Duarte, Fundação João Pinheiro

Mestre em Administração Pública pela Escola de Governo da Fundação João Pinheiro. Professora e Coordenadora de cursos de pós-graduação lato-sensu na área da administração pública na Fundação João Pinheiro. Técnica da Fundação João Pinheiro. Suas áreas de interesse em pesquisa são políticas sociais, em especial na área de educação.