Information technology investments and supply chain governance

Pietro Cunha Dolci, Antonio Carlos Gastaud Maçada

Resumo

O objetivo dessa pesquisa é propor um modelo relacionando os investimentos em tecnologia da informação (TI), a governança da cadeia de suprimentos (GCS) e o seu desempenho. Foi realizado um estudo piloto com uma etapa qualitativa e outra quantitativa para a elaboração e o refinamento do instrumento. Na etapa qualitativa, foi elaborado um modelo baseado numa extensa revisão da literatura e em dois estudos de caso realizados em 6 grandes empresas brasileiras com relevância mundial. A partir dessa etapa, foi proposto um modelo que foi refinado através de uma etapa quantitativa com 38 executivos de grandes empresas. Foi identificado que a TI é um dos principais direcionadores da GCS, influenciando o desempenho das empresas na cadeia. O modelo final é composto por 5 constructos e 26 elementos. Nos constructos: (a) governança contratual, o elemento contrato formal emergiu das análises; (b) governança relacional, o elemento cooperação não foi confirmado; e (c) governança transacional: a transparência nas transações foi considerada como sendo um elemento importante. No constructo investimento em TI relacionado à GCS, emergiram cinco novos elementos. No constructo desempenho da cadeia relacionado com a GCS, foram destacados os aspectos de mercado como sendo relevantes. Assim, o modelo contempla elementos a serem analisados para entender como os investimentos em TI influenciam a GCS e seu desempenho.

Palavras-chave

investimentos em TI; governança da cadeia de suprimentos; desempenho da cadeia de suprimentos

Texto completo:

PDF (English)

Apontamentos

  • Não há apontamentos.
';