[1]
P. Horta, G. Demo, e P. Roure, “Políticas de gestão de pessoas, confiança e bem-estar: estudo em uma multinacional”, Rev. adm. contemp., vol. 16, nº 4, p. 566-585, 1.