[1]
Cabral, J.E. de O. 1. Determinantes da propensão para inovar e da intensidade inovativa em empresas da indústria de alimentos do Brasil. Revista de Administração Contemporânea. 11, 4 (1), 87-108. DOI:https://doi.org/10.1590/S1415-65552007000400005.