Aplicação da análise envoltória de dados em cooperativas de crédito rural



Artigo principal Conteúdo

Dirley Lemos Vilela
Marcelo Seido Nagano
Edgard Monforte Merlo

Resumo

A forma cooperativa de organização tem-se mostrado uma alternativa importante para o desenvolvimento das pequenas e médias organizações. Entretanto, assim como ocorre em outras organizações, as cooperativas necessitam ser avaliadas do ponto de vista da eficiência que apresentam ao desempenharem suas atividades. A avaliação de eficiência é de grande importância para as organizações deste tipo, pois as cooperativas possuem uma gestão que deve atender às necessidades dos seus diversos cooperados. Neste trabalho foi realizada a aplicação do método Análise Envoltória de Dados (DEA) para avaliar o desempenho das cooperativas de crédito rural do estado de São Paulo. O estudo realizado demonstrou que as cooperativas que dispunham de maiores volumes de recursos conseguiram obter desempenho superior, no tocante ao seu objetivo de operação (concessão de crédito). Um dos resultados mais relevantes, evidenciados no estudo, foi que as cooperativas que dispunham de maiores volumes de recursos conseguiram obter maiores taxas de eficiência, quando considerada a relação ativo total e despesas administrativas relativamente ao volume de crédito concedido. Os resultados obtidos demonstraram que a análise envoltória de dados pode ser uma interessante alternativa para a avaliação de desempenho.

Histórico de Downloads

Não há dados estatísticos.


Detalhes do artigo

Como Citar
Vilela, D. L., Nagano, M. S., & Merlo, E. M. (1). Aplicação da análise envoltória de dados em cooperativas de crédito rural. Revista De Administração Contemporânea, 11(spe2), 99-120. https://doi.org/10.1590/S1415-65552007000600006
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Marcelo Seido Nagano, Universidade de São Paulo Engenharia de São Carlos

Pós-doutorado em Computação Aplicada pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). Professor da Escola de Engenharia de São Carlos da Universidade de São Paulo (EESC/USP). Suas áreas de interesse em pesquisa são pesquisa operacional e gestão do conhecimento

Edgard Monforte Merlo, Universidade de São Paulo FEARP Departamento de Administração

Doutor em Administração de Empresas pela Faculdade de Economia e Administração da Universidade de São Paulo (FEA/USP). Professor do Departamento de Administração da Universidade de São Paulo (FEARP/USP). Suas áreas de interesse em pesquisa são administração de varejo e serviços e planejamento