Estudos de casos hipertextuais: rumo a uma inovação no método Harvard de ensino de gestão



Artigo principal Conteúdo

Marcos Cerqueira Lima

Resumo

Adaptado ao ensino de gestores há quase um século, o método Harvard de estudos de casos é hoje amplamente adotado em escolas de Administração em todo o mundo. Este artigo propõe que as novas tecnologias de comunicação e informação oferecem oportunidade de enriquecer tal metodologia com recursos como interatividade dinâmica e colaboração assíncrona. Para tanto, são discutidas as principais características das interfaces hipertextuais e o caráter revolucionário da Internet como ferramenta educacional. No tocante ao método de estudos de casos, especificamente, argumenta-se que interfaces hipertextuais possibilitam uma forma inovadora de representar múltiplas perspectivas de análise das situações-problemas típicas de domínios de conhecimento pouco estruturados, conformepropõe a Teoria da Flexibilidade Cognitiva. É descrito, por fim, como estas características foram incorporadas ao Projeto Aplicado de Novas Tecnologias para Estudos de Casos Online - Panteon, uma interface para criação e diagnóstico de casos hipertextuais. O protótipo desta ferramenta de aprendizagem está em fase de testes, tanto em escolas de gestão quanto em organizações.

Histórico de Downloads

Não há dados estatísticos.


Detalhes do artigo

Como Citar
Lima, M. C. (1). Estudos de casos hipertextuais: rumo a uma inovação no método Harvard de ensino de gestão. Revista De Administração Contemporânea, 7(3), 77-99. https://doi.org/10.1590/S1415-65552003000300005
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Marcos Cerqueira Lima, Universidade Federal da Bahia

Doutor em Comunicação e Cultura Contemporânea pela Universidade Federal da Bahia, com interesse em pesquisa e consultoria na área de uso de interfaces hipertextuais para estimular o pensamento crítico e criativo de gestores de empresas e de escolas de gestão.