Em busca do conceito de linha de pesquisa



Artigo principal Conteúdo

Jairo Eduardo Borges-Andrade

Resumo

No texto pretende-se definir o conceito de linha de pesquisa. Para chegar a esta definição, é feita uma discussão a respeito dos seus elementos componentes, extraindo tais elementos de trechos de diálogos feitos com dois pesquisadores e um técnico com experiência nas áreas de gestão de ciência e tecnologia e de pós-graduação, e analisando significados descritos em dicionários. É proposta uma definição com característica metafórica, mas incluindo quatro elementos essenciais que permitem a sua operacionalização. Em seguida, o conceito é testado, sendo levado em conta o seu uso em programas de pós-graduação, em grupos de pesquisa e em curricula vitae de pesquisadores, nos contextos do CNPq e da CAPES. Finalmente, o conceito de linha de pesquisa é comparado com os conceitos de área de concentração e projeto de pesquisa, e é apresentado o argumento de que ele precisa ter uma natureza institucional e não individual.

Histórico de Downloads

Não há dados estatísticos.


Detalhes do artigo

Como Citar
Borges-Andrade, J. E. (1). Em busca do conceito de linha de pesquisa. Revista De Administração Contemporânea, 7(2), 157-170. https://doi.org/10.1590/S1415-65552003000200009
Seção
Documentos e Debates
Biografia do Autor

Jairo Eduardo Borges-Andrade, Florida State University

Ph.D. em Sistemas Instrucionais pela Florida State University, USA. Professor Titular do Departamento de Psicologia Social e do Trabalho da Universidade de Brasília, Pesquisador 1-A do CNPq, além de Consultor e Instrutor em Gestão de Ciência e Tecnologia, Treinamento e Desenvolvimento, Comportamento e Análise Organizacional, por meio da FINATEC/UnB. Suas áreas de interesse em pesquisa são treinamento e desenvolvimento, análise organizacional, pesquisa em psicologia, comportamento organizacional.